highlighted:

Como reconhecer e compartilhar as trajetórias de profissionais públicos no país?

 
 

O Prêmio Espírito Público nasce como resposta a esta pergunta. Em um cenário repleto de estigmas negativos, sua existência revela a importância da mudança de pensamento sobre os profissionais e suas histórias no setor público. Resultado da construção coletiva de diversas organizações, seu foco se firma na continuidade dos trabalhos e caminhos que levam os trabalhadores públicos às suas contribuições pelo Brasil.

Esse compromisso é realizado pela Aliança – coalizão entre as fundações Lemann e Brava, e os institutos Humanize e República – junto à Agenda Brasil do Futuro, com o suporte fundamental dos parceiros:  Centro de Liderança Pública, Fundação Itaú Social, Ensina Brasil, Fundação Victor Civita, Instituto Sou da Paz, Instituto Betty e Jacob Lafer, Instituto Igarapé, Instituto Desiderata, Vetor Brasil, SOS Mata Atlântica,  Instituto de Tecnologia & Sociedade do Rio, Instituto Clima e Sociedade, Instituto Semeia e Casa Fluminense.

 

Em 2019, ampliamos o número de trajetórias a serem reconhecidas. Acrescentamos as categorias Saúde e Governo Digital às outras quatro existentes na edição 2018: Educação, Meio Ambiente, Segurança Pública e Gente, Gestão & Finanças Públicas. Assim, passamos de 12 finalistas e 4 menções destaque, para 18 e 6, respectivamente.

Além da visibilidade de suas contribuições para o Brasil, mais uma vez os profissionais serão premiados em dinheiro e com uma jornada de aprendizado internacional. Nosso objetivo é tanto o compartilhamento de conhecimentos e boas práticas com profissionais públicos de outros setores, contextos e regiões do Brasil, quanto como conhecer o setor público de outro país. Assim, agregando mais valor a continuidade  das suas atuações.

 

Site: premioespiritopublico.org.br

content:
afterContent: